quinta-feira, 25 de maio de 2017

como vender mais


Varejo online cresce 32% em 2005 e vende R$ 9,9 bilhões


Fonte: UOL Economia

“O Índice de Varejo Online (VOL), que representa a soma dos volumes de transações de automóveis, turismo e bens de consumo pela Internet atingiu, em 2005, R$ 9,9 bilhões. Isso representa alta de 32% em relação a 2004, que registrou R$ 7,5 bilhões, e corresponde a 3,43% do varejo total no país. Os dados são da Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico (Camara-e.net) e da E-Consulting® Corp.

O número de compradores online subiu de 4,3 milhões em 2004 para 4,8 milhões em 2005. A venda de automóveis representou a maior parte das transações pela Internet, com 52% do total. O volume com veículos atingiu R$ 5,14 bilhões, um aumento de 20,5% em relação a 2004.
Os bens de consumo movimentaram R$ 2,88 bilhões e foram responsáveis por 29,1% do total. Dentro dos bens, os DVDs foram os mais comercializados. Já o setor que mais cresceu foi o de turismo, com alta de 62,6% entre 2004 e 2005. A área movimentou R$ 1,87 bilhão e respondeu por 18,9% dos negócios online.”

maquina de costura gabinete gamer controlador para cooler patinete infantil

Faturamento de e-commerce no Brasil cresce 400% em quatro anos

Fonte: Folha Online

“O faturamento do comércio eletrônico brasileiro teve crescimento nominal (sem descontar a inflação) de 400% entre janeiro de 2001 e janeiro de 2005, segundo a e-bit, empresa de pesquisa e marketing on-line.
A pesquisa considera todo o varejo virtual do país, com exceção dos sites de leilões, venda de automóveis e de passagens aéreas.

O levantamento mostra um crescimento de 63% no valor do gasto médio de cada consumidor nesses quatro anos. Revela ainda um aumento no número de transações realizadas e dos adeptos das compras virtuais.

Em 2001, pouco mais de 700 mil pessoas tinham feito pelo menos uma compra virtual. Neste ano, 3,25 milhões disseram já ter comprado pela internet.

Nenhum comentário:

Postar um comentário